Fugindo do padrão




Hoje venho com um assunto muito polêmico, os tais padrões. Aqueles geralmente impostos pela sociedade, que nos faz acreditar que se tornar igual aos demais, que estão no padrão, vai nos fazer ser pessoas normais ou melhor aceitas por não ser diferente.

Quando vêm a tona a palavra diferente, a uma turbulência de pensamentos que invade a todos nós, até porque o diferente foge dos padrões e nos leva a pensar de um modo contrário ao que os padrões nos oferece. Mas quem disse que ser diferente é ruim? Ser diferente é bom, imagina só se no mundo todos fossemos iguais, pensássemos iguais, e agíssemos de maneiras iguais, nossa ia ser um horror.

Mas acontece que no mundo em que vivemos as pessoas são muito influenciadas pelos famosos, pelas mulheres consideradas "perfeitas" e principalmente pela mídia. A mídia impõe, a sociedade segue, lança um produto novo que está na televisão e todo mundo fica doido para adquirir, isso é a chamada alienação. E isso acaba se tornando um ciclo vicioso do puro capitalismo.



Essa mistura de alienação com as coisas datadas como certas pelo padrão acabam que gerando consequências, não é de menos que a cada ano que se passa as doenças que mais se agravam são as psicológicas. Depressão, ansiedade, complexo de inferioridade, transtornos alimentares, síndrome do pânico são algumas das consequências da tão bruta sociedade em que vivemos.E tudo isso porque as pessoas não conseguem, se limitam e se cobram de mais de si.

Talvez devêssemos parar e refletir um pouco, será mesmo que não nos cobramos demais? Que exigimos muito, ás vezes, até fora dos limites? A vida é tão curta para termos ações egoístas e limitadas demais e para sermos iguais a todos, sempre naquele padrão para agradar a terceiros.

Seja diferente, faça a diferença. Esteja bem com si e aceite ser quem você é, a pior coisa que existe é querer ser alguém que não é você. O importante é você estar bem, alegre, feliz e contente com si. Esquece os padrões que tanto massacram, que só colocam pra baixo, seja você e fim.


2 comentários:

  1. Muito booom! Assim diz Pitty: "O importante é ser você / Mesmo que seja estranho/ Seja você/ Mesmo que seja bizarro ,bizarro, bizarro" 😝

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isso mesmo, o importante é ser você!
      Beijoooos

      Excluir

 
Image Map